O que é abandono de emprego


Você já pensou em como se sentiria se tivesse uma empresa e seus funcionários aos quais você paga corretamente e dá a ales todos os direitos que os mesmos tem sumissem sem dar explicação? Pois é isso o que acontece em muitas empresas, o abandono de emprego. Pessoas que desaparecem por mais de 30 dias do trabalho e não tem uma razão para isso, ou sequer se dão ao trabalho de explicar o que está acontecendo podem ser demitidas por justa causa do emprego. Muitas pessoas pensam que é só sair sem nem falar nada, mas não é bem assim. Tudo o que você tem direito, como férias, fundo de garantia, décimo terceiro, entre outras coisas é anulado, cancelado se você abandonar o emprego. Por isso, não é muito sensato resolver tirar férias por conta própria para depois querer brigar por seus direitos aos quais você renegou quando sumiu sem dar maiores esclarecimentos. As empresas, no entanto precisam ter a consciência de que um dia ou dois com justificativa não caracteriza abandono de emprego, e se você quiser mandar seu funcionário embora por isso pode ter a certeza de que terá de pagar a ele todos os direitos que o mesmo tem. A situação é bem complexa e bem simples ao mesmo tempo, basta entender que é preciso responsabilidade para com o seu trabalho, sendo que há uma empresa e pessoas que contam com os seus serviços e que, se você se ausentar sem um motivo fará falta para a mesma, desfalcando uma equipe e reduzindo a produtividade, exigindo mais de seus colegas e transformando a empresa em um verdadeiro caos. A empresa no entanto, precisa ser compreensiva em caso de doença ou ausência por algum motivo apresentado e com pedido antecipadamente para se ausentar em determinada data.

Veja mais